2ª Via Boleto

Casa verde e Amarela – Como funciona o novo programa do governo

O novo projeto do Governo de Jair Messias Bolsonaro visa  contribuir com 1,6 milhões moradias no decorrer do programa com taxas de juros reduzidas até 2024.

Uma excelente notícia para quem quer realizar o sonho da casa própria. Com a menor taxa de juros já vista no Brasil em programas habitacionais, o novo programa do governo intitulado, Casa Verde e Amarela, tem o intuito de melhorar as opções que o catálogo de programas habitacionais do país já dispõe.

Contudo, não se trata de um programa novo, mas de um up grade no antigo programa habitacional Minha Casa, Minha Vida.  As notícias são animadoras para quem reside no norte e no nordeste do Brasil, pois, essas regiões tiveram uma redução e terão as melhores taxas de juros.

O programa irá contemplar famílias que tenham renda de até 7 mil reais mensais. Para quem mora nas regiões norte e nordeste e recebem até R$2.000, terão a possibilidade de uma redução de até 0,5% nos juros.

Quem terá direito ao novo programa do Governo Federal?

As possibilidades de adesão ao financiamento imobiliário podem estar mais perto que se imagina. Se você tem interesse em aderir a essa opção de programa habitacional, saiba se faz parte do público alvo do Casa Verde e Amarela .

O programa anterior,Minha Casa, Minha Vida, atendia quatro faixas de renda familiar. Porém, com as modificações feitas pelo atual presidente do país, elas passaram a ser três. Veja quais:

  • Faixa número um –  adequado para pessoas com renda de até R$ 2.000;
  • Faixa número dois – voltado para famílias com renda entre R$ 2.000 e R$ 4.000;
  • Faixa número três – para famílias com renda entre R$ 4.000 e R$ 7.000.

É importante ressaltar que a medida ainda passará por votação do Congresso Nacional, e que caso seja aprovada, as novas regras já começam a valer. Apesar de ser direcionado ao público das regiões mais carentes, cerca de 18% das famílias da região sul, e 24% da região sudeste poderão aderir ao financiamento.

A previsão é a geração de milhões de novas vagas de emprego na área de construção e imobiliário e outros setores. Também serão construídos cerca de 350 mil novos empreendimentos, todos eles subsidiados pelo Governo.

Toda essa movimentação promete aquecer a área da construção civil, favorecendo investimentos e a economia do país. Além de poder ser uma das melhores chances de realização do sonho da casa própria para milhares de brasileiros.

Dívidas e renegociações

Segundo informações mais recentes, a MP (Medida Provisória) também incluiu a renegociação das dívidas das famílias já atendidas pelo programa habitacional atual, o Minha Casa, Minha Vida.

São quase 40% de inadimplentes que poderão ter acesso à renegociação logo após o período de pandemia. Essa negociação poderá ser realizada para os que estão na faixa 1 do programa.

A data prevista para o início das negociações das dívidas será no primeiro trimestre do próximo ano.

Equipe Jotanunes Construtora

Imóveis em Destaque

Posts Relacionados